23/05/2018 Undime

Todas as notícias Categorias

Materiais da Semana de Ação Mundial já estão disponíveis



Semana de Ação Mundial (SAM) será realizada de 3 a 10 de junho

Os materiais da SAM 2018 já estão disponíveis. A informação é da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, que coordena a semana no Brasil. O manual de atividades e um dossiê com os retrocessos para a área nos últimos anos já estão prontos e podem ser acessados no portal da SAM, na aba “Materiais”, e os documentos de subsídios, na aba “Subsídios”.

Todos os materiais da SAM 2018 estão, neste ano, disponíveis somente online para serem baixados e também em formato para impressão. No portal, é possível encontrar os materiais digitais de divulgação.

Inscrições

As inscrições para a Semana de Ação Mundial 2018 devem ser realizadas pelo portal www.semanadeacaomundial.org. A Campanha Nacional pelo Direito à Educação lembra que as inscrições são pré-requisito para o recebimento do certificado de participação após a realização das atividades.

Além disso, a recomendação é que, ao divulgar a SAM, as pessoas utilizem as hashtags: #SAM2018 #TiremATesouraDaMão #DireitosValemMais #PNEpraValer #FundebpraValer; e assim que realizar as ações, também postem as fotos, vídeos e relatos!

Sobre a SAM

A SAM brasileira está dedicada ao monitoramento da implementação do Plano Nacional de Educação (PNE). Coordenada pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação há 13 anos, a SAM 2018 será realizada de 3 a 10 de junho em todo o território nacional.

Sob o mote, “Se prioridade é educação, tirem a tesoura da mão! Direitos valem mais, não aos cortes sociais!”, a SAM tem por objetivo garantir um olhar nacional qualificado e crítico para esse debate, reforçando a necessidade da implementação plena dos marcos legais já existentes para o cumprimento do direito à educação e da necessidade de um chamamento nacional por nenhum retrocesso.

Neste ano, a mobilização da SAM é formada por três pilares:

Por um PNE pra Valer - realizar um balanço da implementação da Lei nº 13.005/2014, do Plano Nacional de Educação (PNE), e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) relacionados, de forma a exigir o cumprimento dos compromissos firmados pelo governo brasileiro.

Por um Fundeb pra Valer - pautar um novo Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) permanente e robusto, com a viabilização do Custo Aluno-Qualidade Inicial (CAQi) e do Custo Aluno-Qualidade (CAQ), previstos na meta 20 do PNE.

Pela revogação da EC 95 - fazer face aos retrocessos, especialmente na revogação da Emenda Constitucional 95/2016, que impõe um Teto de Gastos nas áreas sociais. Nesse sentido, a SAM 2018 se soma à campanha nacional “Direitos valem mais, não aos cortes sociais!”, que mobiliza diversos setores sociais pela revogação da EC 95.

Como participar da SAM 2018?

Qualquer pessoa, grupo ou organização pode participar da SAM, discutindo o tema e realizando atividades em creches, escolas, universidades, sindicatos, praças, bibliotecas, conselhos, e secretarias, envolvendo todas e todos os que se interessam pela defesa da educação pública, gratuita e de qualidade no Brasil. A SAM é um chamamento intersetorial.

Para obter mais informações sobre a SAM 2018 escreva para: sam@campanhaeducacao.org.br

Fonte: Campanha Nacional pelo Direito à educação com adaptações

Todas as notícias Todas as categorias